loader
  • Vinho Verde Zulmira
  • Vinho Verde Zulmira
  • Vinho Verde Zulmira
  • Vinho Verde Zulmira

Vinho Verde Zulmira

14.5 €
  • REF: 0204627

SOBRE O VINHO
O VINHO VERDE ZULMIRA teve a sua primeira entrada em mercado com a colheita de 2017, através de uma produção limitada e de operadores selecionados e referenciados. O VINHO VERDE ZULMIRA, oriundo de uma pequena propriedade familiar em Santo Tirso, é um vinho verde de alta qualidade, realizado sob a responsabilidade de um conceituado enólogo, o Eng.º António Sousa, e combinando de forma feliz castas de Loureiro e Arinto. Na primeira crítica profissional que recebeu, é descrito como “um vinho de aroma delicado e fino, muito expressivo, elegante, com leve doçura frutada compensada por boa acidez. Leve, mas cheio de sabor e com muita frescura.” (in: “Grandes Escolhas”, Set. 2018).
A defesa intransigente da qualidade reflete-se não só no produto mas também na forma como o VINHO VERDE ZULMIRA se apresenta ao consumidor, por via de uma garrafa cuidada e de um rótulo e embalagem desenhados por Henrique Cayatte a partir de gravura original de Armanda Passos.
O VINHO VERDE ZULMIRA é leve e delicado, possui uma textura e uma elegância especiais e evoca bem a personalidade de Zulmira, a mulher que inspirou o seu nome. Transportando-vos para um dia quente debaixo das ramadas e libertando uma sensação de conforto, este vinho acompanha particularmente bem peixe, marisco, queijos ou saladas, deve ser servido frio e, acima de tudo, bebido em boa companhia.
O VINHO VERDE ZULMIRA é já possível de encontrar em diversos restaurantes selecionados de entre os de maior referência no País.

SOBRE NÓS
O VINHO VERDE ZULMIRA é produzido com uvas de uma pequena quinta situada em Santo Tirso, no norte de Portugal. Originariamente integrada, a partir de 1724, no vasto património dos monges Beneditinos, situada na margem do rio Ave e detentora de um encanto natural, esta quinta era, à época, utilizada pelos seus proprietários como um local resguardado, destinado ao repouso, oração e contemplação. Segundoos registos monásticos,já na altura se plantava vinha, bem como castanheiros, oliveiras e outras árvores de fruta. O espaço murado é encimado por um portão comuma pequena estátua de S. Bento, ao qual a lenda atribui poderes milagrosos.
Muitos anos decorridos, Zulmira foi a mulher que, no século passado, por motivos afetivos e emocionais, optou por esta propriedade na herança de seus pais com o objetivo de dela usufruir, de a cuidar e proteger de forma compatível com a sua longa história. E é em honra dessa grande mulher que nunca desistiu da quinta e da sua vinha, que o vinho é registado com o seu nome, ZULMIRA.
Hoje, cabe à sua filha e netas dar continuidade à tradição e partilhar convosco a especial qualidade, textura e elegância deste VINHO?VERDE?ZULMIRA.

Produtos Vinho